Biografia
Biografia de Agostinho Batista de Freitas

Nasceu em Campinas, São Paulo, em 1927. Era eletricista quando se transferiu para a capital paulista. No início da década de 50 começou a pintar e, como tantos outros exemplo de pintores naifs, vendia seus trabalhos na Praça do Correio em São Paulo até ser descoberto pelo professor Pietro Maria Bardi, então diretor do Museu de Arte de São Paulo, que organizou uma exposição individual do artista naquele importante espaço. A mesma mostra seria posteriormente montada no Museu de Arte Contemporânea de Campinas, Museu de Arte Moderna da Bahia e Museu de Arte Moderna de São Paulo. Em 1966, integrou a representação brasileira na “Bienal Veneza” e participou da exposição “O Artista e a Máquina”, no Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro.
O caso do artista é o mesmo de outros naifs brasileiros que optaram por uma temática urbana, como Carlos Lousada e, Algumas vezes, Tamanini, captando aspectos urbanísticos dos grandes centros, como Rio de Janeiro e São Paulo, com riqueza de detalhes e rigor formal, resultando desse trabalho valiosa documentação dessas duas grandes capitais do país. Faleceu em 1997.  

Obras disponíveis

Colheita de trigo – 71×100