• Iracema_mostra1
  • Iracema_mostra2
  • Iracema_mostra3

OBRAS DISPONÍVEIS obras

Artista / ArtistIracema Arditi

Estado / State São Paulo

IRACEMA ARDITI

(Iracema Arditi)
1924 – São Paulo
2006- São Paulo
Passou sua adolescência no Rio de Janeiro.
Recém casada com o francês Guy Arditi, representante no Brasil da Agência France Presse, começa a pintar como autodidata e fixou residência em São Paulo.
Começa então uma serie vertiginosa de exposições individuais e coletivas em vários capitais europeias como Paris, (galerie Vernon, Seráphine, Antoinette, Camille Renault), Roma (galeria Carpine), entre outras. Expûs também em galerias de renome em São Paulo como a Cosme Velho,  Academus,  André e Doucumenta.  No Rio expûs na Galeria Vernon e na Petite Galeria, em Bâle, Suiça, em Montevideo, Uruguay, na Alemanha...etc. Em 1967, foi eleita Membro Societário e Júri do Salão de Outono em Paris. Coleciona obras dos mais importantes naifs da época, sobretudo brasileiros. Reuniu sua coleção e fundou em São Paulo (1972) o Museu do Sol, dedicado a esse gênero de pintura que foi doado à cidade de Penápolis em 1978, distante de 450 kilometros de São Paulo. Iracema teve um papel de liderança no movimento da arte naif no Brasil. Muitas distinções, entre prêmios e medalhas, marcam sua vida dedicada a uma obra ímpar. A França, em 1985, lhe outorga a Cruz de Chevalier des Arts et des Lettres. Em 2000, foi convidada para comemorar a inauguração do novo Espaço Cultural da Embaixada do Brasil em Londres.

 

 


She spent her youth in Rio de Janeiro. Later, having just married the French Guy Arditi -who represents the Agence France-Presse in Brazil - she fixes her residence in São Paulo and starts autodidact painting.
She then holds an astonishing series of solo and group exhibitions in Paris, (Galerie Seráphine, Antoinette, Camille Renault), Rome (Galeria Carpine) amongst other European cities. She also shows her work in reputed art galleries in São Paulo, such as Cosme Velho, Academus, André and Documenta. In Rio, her work is exhibited at Galeria Vernon and Petite Galeria. Her work is also shown in Bâle, Switzerland, in Montevideo, Uruguay, and in Germany. In 1967, she is appointed Associate Member and Jury Member of the Salon d’Automne de Paris. She collects works by the most important naïve artists of the time, especially the Brazilian naïves. In 1972 she founded the Museu do Sol in São Paulo, dedicated to this genre of painting, opening her collection to the public, and in 1978, the Museum was transferred to the city of Penápolis.
Iracema was one of the leaders of the Naïve Art movement in Brazil. Distinctions, awards and medals play tribute to a life of dedication to a unique oeuvre. In 1985, France bestows on her the Cruz de Chevalier des Arts et des Lettres. In  2000 she was a guest of honour at the opening of the new Espaço Cultural da Embaixada do Brasil in London.