Biografia
Biografia de Isabel de Jesus

1938 - Cabo Verde, MG. Pensou em seguir uma vocação religiosa, mas decidiu tentar ser enfermeira e neste intuito se mudou para São Paulo. Trabalhando na casa da artista Iracema, onde conheceu o seu despertar para a arte de pintar, em 1964 e, dois anos mais tarde, realizou a sua primeira exposição individual na Galeria Vernon no Rio de Janeiro. Em 1972, viajou para a França, junto com Iracema, que a apresentou no meio das artes Parisiense expondo individualmente na Galerie Séraphine. Naquela ocasião, recebeu uma crítica elogiosa do expert mundial em arte Naif, Anatole Jakowsky. Premiada em várias ocasiões, Isabel de Jesus realizou exposições individuais na Galeria Jean-Jacques (1985), Rio de Janeiro e na Galeria Jacques Ardies, São Paulo (1980, 1983, 1989, 1993, 2001, 2014) e participou de uma quantidade importante de exposições coletivas no Brasil e no exterior. A arte de Isabel de Jesus é única. Ela domina como poucos a técnica do guache sobre papel. No começo, molha o papel e joga as cores para obter um fundo colorido; na etapa seguinte desenha, com pincel fino e cor escura, seu mundo fantástico, deixando-se guiar pela imaginação livre de qualquer imposição ou regras formais. O resultado é uma arte intimista, espontânea e inventiva. A sua obra é citada em vários livros de arte entre os quais, o do conceituado crítico de arte Jacob Klintowitz : “Mestres do desenho Brasiliero” (1983) que incluiu Isabel de Jesus no meio de 27 conceituados modernistas brasileiros como Aldemir Martins, Cícero Dias, Volpi,Di Cavalcanti, entre outros.

Obras disponíveis

Mãe do vento – 45×33
Peixe – 22×16
Casa de caboclo – 66×48